Traficante Da Russa na mira da polícia após estupro coletivo no Morro da Barão

By | June 3, 2016

da-russa-traficante-2Chefe do tráfico no Barão, o traficante Sérgio Luiz da Silva Junior, o Da Russa, de 26 anos, passou a ser um dos criminosos mais procurados pela polícia após o caso de estupro em sua comunidade ter vindo à tona. Ele é um dos que tiveram a prisão temporária decretada pela Justiça pelo estupro da jovem X e está foragido. Também conhecido como Pará, o bandido é o homem de guerra da principal facção criminosa do Rio, papel que assumiu após a prisão do traficante Luiz Cláudio Machado, o Marreta, em dezembro de 2014.

De acordo com informações da Polícia Civil, Da Russa liderou as recentes tentativas de invasões de sua quadrilha no Morro do Juramento, Jorge Turco, Proença Rosa, Chaves e Mundial, no mês passado.

O bandido é oriundo do Complexo do Alemão, na Zona Norte, onde começou no crime ainda adolescente. Com a ocupação do conjunto de favelas, em novembro de 2010, ele migrou para o Complexo do Lins, onde passou a integrar o chamado “Bonde do Marreta”. Lá, aos poucos, foi ganhando prestígio com o criminoso, que era chefe do tráfico na localidade, e virou seu braço direito e homem de confiança.

Três anos depois, em outubro de 2013, a quadrilha migrou novamente, com a entrada da polícia no Lins. Pela mata, os criminosos foram para o Morro da Covanca, em Jacarepaguá. Pouco tempo depois, resolvem ir para o Barão, onde a quadrilha avaliou que seria melhor se estabelecer. Para tomar as duas comunidades, os traficantes travaram uma guerra contra os milicianos que dominavam a região.

Da Russa é considerado um traficante violento, mas assistencialista. Há seis mandados de prisão contra ele por crimes como tráfico de drogas, associação para o tráfico e porte ilegal de arma de fogo de uso restrito. Ele possui apenas uma condenação, a 12 anos de prisão, pelo crime de associação para o tráfico, mas ainda responde a outros quatro processos.







Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *