Polícia prende criminoso envolvido no sequestro de dois policiais militares em Barros Filho

By | July 21, 2015

cocao-escurrega-dinnheiroPoliciais do 9º BPM (Rocha Miranda) prenderam na noite desta segunda-feira, um dos sete criminosos suspeitos de participar do roubo a dois PMs, na madrugada de quinta-feira, na Zona Norte do Rio. Os militares foram obrigados a tirar a roupa. De acordo com a Polícia Civil, Jorge André Lopes dos Santos, de 31 anos, conhecido como Cocão, foi reconhecido na 29ª DP (Madureira) pelo soldado de 29 anos, lotado no mesmo batalhão. Segundo o militar, o acusado chegou a chorar na delegacia. Além de roubado, o PM foio baleado no joelho, colocado no porta-malas de dois carros e sequestrado em Barros Filho.

O acusado tem oito passagens pela polícia e teve a prisão preventiva pedida. Nas redes sociais, ele aparece em fotos ostentando armas e dinheiro.

Cocão foi preso no Morro Faz-Quem-Quer, em Rocha Miranda, durante um churrasco familiar na Rua Pinhará, um dos acessos a comunidade, por volta das 22h30 Segundo os PMs, ele foi localizado após uma denúncia anônima e não reagiu. Nada foi encontrado com ele. Na ocasião, ainda segundo os policiais que participaram do cerco ao acusado, ele reconheceu que tinha várias passagens pela polícia, mas negou participação no ataque aos PMs na quinta-feira. Familiares ainda tentaram argumentar e impedir a prisão do suspeito.

Na 29ª DP foi verificado que Cocão tinha duas passagens na polícia por tráfico de drogas e duas por porte ilegal de arma de fogo, além de uma por furto a estabelecimento comercial, comércio ilegal de arma, receptação e associação para o tráfico de drogas. No aparelho celular dele os policiais encontraram fotos do acusado portando armas e posando com dinheiro. De acordo com o soldado Inácio, que participou da prisão, o acusado disse que as imagens eram “coisa do passado” e que ele já havia pago as pendências que tinha com a justiça.

Segundo a Polícia Civil, sete bandidos foram identificados e reconhecidos por fotografias da participação nos assaltos aos PMs, em inquérito investigado pela 39ª DP (Pavuna), onde os casos foram registrados na ocasião. De acordo com a PM, os bandidos são da comunidade da Barreirinha, em Rocha Miranda. Segundo um PM, Cocão transitaria entre as duas comunidades por serem controladas peala facção Comando Vermelho (CV).

cocao-escurrega-armado
Dizia que não tinha medo de cadeia mas chorou na delegacia

 



 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *