Jornalista esfaqueada na Praça Seca faz desabafo nas redes sociais

By | June 10, 2015

mulher-faca-assalto-praca-secaFonte: O Dia

Rio – A jornalista Luíza Derzie, de 28 anos, registrará queixa na manhã desta quarta-feira, na 28ªDP (Campinho). Na noite de terça, ela se tornou a 16ª vítima de ataques a faca em ações criminosas no Rio no último mês. Ela ficou ferida no braço durante tentativa de assalto em Campinho. Através de uma rede social, a vítima fez um desabafo.

“Dessa vez a vítima fui eu! Até quando ficaremos reféns na nossa cidade? Tudo poderia ter sido pior, mas Deus me guardou mais uma vez do pior”, escreveu Luíza, questionando a falta de segurança na cidade.

“Cadê o meu direito de ir e vir? Sou uma cidadã que paga impostos para esse país corrupto, imundo e sem qualquer escrúpulo! Onde não posso usufruir de nenhum dos meus direitos”, completa.

Ela foi atacada por volta das 19h30, quando a Rua Pinto Teles em direção à Rua Cândido Benício, onde pegaria um ônibus para casa, na Zona Norte. Luíza Derzie foi encurralada pelos criminosos no muro que fica entre o Ciep e a 28ªDP.

“Os bandidos pediram a carteira e dinheiro. Como disse que não tinha, um deles me golpeou na altura do peito, do lado direito. Para me proteger coloquei o braço na frente e acabei ferida. Ainda me disseram para não registrar a ocorrência na delegacia por que fica perto do morro”, contou a jornalista ao chegar em casa de madrugada, após ser atendida no Hospital Nortecor, no Engenho de Dentro.

mulher-facada-assalto-praca-seca

 



 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *