Agentes do Degase controlam princípio de rebelião no Educandário Santo Expedito em Bangu

By | March 6, 2016

agente-do-degasePor volta das 19h30 deste sábado (05/03), oito menores infratores que cumprem medida socioeducativa de internação no Educandário Santo Expedito, em Bangu, promoveram um motim isolado na unidade. O tumulto ocorreu após o horário de visitação dos parentes aos internos da unidade. Durante a visita, um familiar (padrasto) de dois internos que são irmãos e cumprem pena na mesma cela da unidade, desrespeitou os funcionários aos gritos e se comportou de forma completamente inadequada, sendo primeiramente repreendido pelos funcionários, e posteriormente convidado a se retirar da visita.

Após o término da visita, ao retornarem para os seus alojamentos, os dois irmãos passaram a incitar outros seis internos que dividem o alojamento contra os funcionários, por não concordarem com o pedido de retirada do elemento.

Os oito internos pegaram os seus colchões, rasgaram e utilizaram a espuma deles para fazer um incêndio no local, utilizando como fogo, um curto circuito na fiação elétrica do local.

Após a chegada dos Agentes de segurança do DEGASE no local para tentar controlar a rebelião que se iniciava, os internos arrancaram uma pia de louça e arremessaram contra os Agentes, passando a ameaçarem todos os servidores de morte, com dizeres como: “na rua é tiro na cara”, “sou de menor, não vai dar em nada seus otários”.

Após a contenção dos adolescentes pelos Agentes, os oito foram encaminhados primeiramente ao hospital Albert Schweitzer, onde passaram por avaliação médica, sendo posteriormente conduzidos à 34DP (Bangu), onde o ato foi registrado. Após o registro, foram encaminhados ao IML para exame de corpo de delito.

Todos os oito serão encaminhados ao Cense Gelso Carvalho do Amaral, onde responderão pelos atos infracionais praticados, desta vez durante o cumprimento de medida socioeducativa.

 







 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *