Agente do Degase e cabo do Exército sequestrados no Chapadão eram motoristas do Uber

By | February 2, 2016

Cabo Jorge Fernando de Souza

Cabo Jorge Fernando de Souza

Na noite do último domingo (31/01), o Agente do Degase W. G. O, de 40 anos, e o Cabo do Exército Jorge Fernando Souza, de 30 anos, foram sequestrados e torturados por traficantes do Comando Vermelho, que atuam no complexo de favelas do Chapadão, em Costa Barros.

Segundo o depoimento de W. e familiares, prestado na Delegacia de Homicídios, ele trabalhava como motorista Uber na região.

Durante uma reunião dos motoristas do aplicativo, os traficantes se aproximaram e sequestraram W. e o Cabo do Exército, que também era motorista, levando os dois para a favela Final Feliz, dentro do Complexo do Chapadão.

Chegando lá foram torturados com coronhadas e golpes durante cerca de duas horas. O Agente conseguiu escapar durante a agressão, rolando por um barranco e se escondendo dentro de uma galeria de esgoto da comunidade, onde permaneceu escondido até a manhã de segunda-feira, quando conseguiu fugir da comunidade após avistar um veículo blindado da Polícia Militar, que realizava incursão no local.

Já o Cabo Jorge Fernando souza não teve a mesma sorte e foi executado pelos marginais. O corpo do militar foi encontrado agora à noite.

Bastante abalado emocionalmente, o Agente de Segurança do Degase está com ferimentos na cabeça e escoriações pelo corpo.

 







 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *